Carne imprópria para consumo é apreendida pela Vigilância Sanitária no Juca Rosa

Missing image

Agentes da Vigilância Sanitária da Prefeitura Municipal de Eunápolis, em ação conjunta com a ADAB – Agência de Defesa Agropecuária do Estado da Bahia, com apoio da Polícia Militar, apreenderam na feira do Juca Rosa, que acontece aos domingos, boa quantidade de carnes e derivados que estavam sendo comercializadas em condições impróprias para o consumo, inclusive em estado de putrefação e em desacordo com a portaria 304/96, do Ministério da Agricultura, colocando em risco a vida dos consumidores.

Carnes impróprias para o consumo

A Vigilância Sanitária vem intensificando o trabalho de fiscalização, sobretudo nos finais de semana, inclusive durante a noite, como forma de impedir que esses produtos continuem sendo vendidos para o consumo humano. Os estabelecimentos comerciais que insistem em desobedecer as determinações, além de ter o produto apreendido que posteriormente é encaminhado para ser incinerado do aterro sanitário de Porto Seguro, também estão  sujeitos às sanções previstas na Lei.

No município de Eunápolis, a venda de produtos de origem animal, devidamente inspecionados, já vem sendo exigida pela Vigilância Sanitária já há algum tempo e é preciso que os próprios consumidores denunciem os infratores, como forma de se evitar os abates clandestinos e duvidosos, além de preservar a saúde pública. Para tanto, é indispensável verificar a procedência do produto, não somente o carimbo, mas também o certificado da origem e se a mercadoria está na temperatura entre 3º e 8º Graus e acondicionado em câmara frigorífica. Qualquer irregularidade deve ser denunciada à Secretaria Municipal de Saúde.